AGENDA TRIBUTÁRIA JANEIRO 2020: Conheça as Obrigações 2020!

É tudo sobre a agenda tributária janeiro 2020 que você vai saber neste post. Além disso, ficarás por dentro de todas as informações referentes às mudanças que foram feitas pela Receita para que tudo fique na margem de espera do que eles querem que as empresas façam. Com isso em mente, para que você fique com os dados sobre esse assunto na ponta da língua, isto é, a partir do momento que vierem te questionar sobre a agenda tributária janeiro 2020, conferir este post até o final pode ser mais do que importante. Sendo assim, acompanhe-nos!

Agenda tributária janeiro 2020
Agenda tributária janeiro 2020

Tendo em vista que são vários os dados e informações a terem em mente aqui neste post, nossa dica é que fiques atento a tudo o que for dito aqui. Afinal, cada ponto pode ser interessante para o seu conhecimento a respeito da agenda tributária janeiro 2020.

Veja também:

Agenda tributária janeiro 2020

Dentre tantos recursos que são criados pela Receita Federal para exigir das empresas aquilo o que for de forma correta e honesta, a agenda tributária janeiro 2020 é apenas mais um de tantos outros atributos requeridos pela mesma. Com isso em mente, isso faz com que as empresas fiquem ainda mais espertas no que diz respeito às organizações fiscais, de modo que tudo anda dentro dos conformes.

Como continuação, essa devida agenda também se trata de um dos principais meios que a Receita fica por dentro de tudo o que está acontecendo nas empresas. Devido a isso, o controle exacerbado faz com que não haja displicências por parte dos empresários, obrigando-os a trilhar no caminho correto.

Sendo assim, agenda tributária janeiro 2020 passou por algumas mudanças mais do que importantes, mudanças estas interessantes a se terem em mente por parte dos empresários, visto que, bem como dito acima, é exatamente através dela que a Receita tem ainda mais controle sobre as empresas. Para saber tudo sobre a agenda referente ao mês de janeiro do ano de 2020, continue vendo este post, mais precisamente até o final.

Agenda tributária janeiro 2020
Agenda tributária janeiro 2020

Ei, você, querido empresário! Tem interesse em saber como investir melhor? Sim? Então conheça os melhores investimentos 2020!

Agenda tributária janeiro 2020: Bloco K

Exemplificando inicialmente o bloco K da agenda tributária janeiro 2020, foi exatamente neste ponto que as mudanças foram mais veementes, pois, sabendo que foi o bloco K que elaborou o livro eletrônico de Registro de Controle da Produção e do Estoque, ao qual é mais do que exigido para as indústrias e que é preterivelmente pedido que o mesmo seja entregue como um bloco dentro da obrigação EFD – ICMS/IPI que é parte integrante do SPED.

Diante disso, é previsto que, para a agenda tributária janeiro 2020, o cronograma implante mais alguns grupos de indústrias, tais como seguem estes exemplos:

Por subsequente, a começar pelo 1º de fevereiro de 2019, foi obrigatório a escrituração por completo do Bloco K para os locais industriais da empresa com faturamento anual semelhante ou até mesmo superior à R$ 300 milhões, entretanto, tendo em mente é necessária a classificação nas divisões 11, 12 e nos grupos 291, 292 e 293 da CNAE.

Não mais importante, outra mudança também visada para a agenda tributária janeiro 2020, é o fato de ser obrigatório a escrituração do Bloco K em sua versão restrita. Mas o que verdadeiramente isso significa em termos técnicos? Bem, nada mais é do que ele terá que ser entregue ao fisco, para ser mais claro, no arquivo eletrônico as informações que fazem referência direta aos saldos de estoques escriturados nos registros K200 e K280, para os estabelecimentos industriais classificados nas divisões 10 à 32 da CNAE.

Agenda tributária fevereiro 2019
Agenda tributária janeiro 2020

Agenda tributária janeiro 2020: Grupos e Datas de Entrega

Este se trata de um ponto super importante, pois faz referência aos grupos e suas respectivas datas de entrega. Sendo assim, saiba agora como será definido (obs.: essas datas já dizem respeito ao ano de 2020, não do mês conseguinte):

  • Grupo 1: empresas com faturamento acima de R$ 78 milhões em 2016; – agenda tributária janeiro

A contar começando do mês de fevereiro, devem ser enviados para a Receita Federal a Substituição da GFIP para recolhimento de FGTS. Após ter passado esse processo, a próxima vai apenas no mês de julho de 2020.

  • Grupo 2: demais entidades empresariais; – agenda tributária janeiro

Em janeiro de 2020, terá que ser enviada as folhas de pagamentos de todos os funcionários da empresa.

Entretanto, a partir o mês de abril, terá que ser enviado o primeiro que é a substituição da GFIP para recolhimento de contribuições previdenciárias e o segundo é a substituição da GFIP para recolhimento de FGTS.

  • Grupo 3: empregadores pessoa física, empresas optantes pelo Simples Nacional, produtores rurais pessoa física e entidades sem fins lucrativos; – agenda tributária janeiro

Terá que ser enviado os cadastros do empregador e tabelas. No mês de abril, terá que ser enviado, agora, os dados dos trabalhadores e vínculos, aos quais também são chamados de eventos não-periódicos.

  • Grupo 4: órgãos públicos e organizações internacionais; – agenda tributária janeiro

Por fim, o grupo 4 ficará mais relaxado, visto que não haverá a necessidade de enviar pendências, como exemplo das mencionadas acima.

Para saber mais sobre datas referentes à agenda tributária janeiro, acesse o site oficial da Receita Federal, clicando aqui!

Agenda tributária fevereiro 2019
Agenda tributária janeiro 2020

Portanto, em caso de dúvidas sobre a agenda tributária janeiro, basta apenas comentar este post abaixo. Mas.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *